Por falta de quórum a LOA 2016 de Bom Lugar não foi votada

Apenas 6 vereadores participaram da audiência sobre as contas públicas do município

Por Josemar 17/03/2016 - 20:00 hs

O projeto de Lei Orçamentário Anual 2016 (LOA) prevista para ser votada nessa quarta feira 18 no plenário da Câmara municipal de Bom Lugar não chegou a ser votada por falta de quórum, apenas seis vereadores participaram da audiência. Foram eles Sanja Lira, Joca Miranda, Valdo Jacó, Renato da Vertente, Rony do Zeis e o Vereador Presidente Arilson. A audiência foi apresentada pelo consultor e assessor contábil Raimundo Batista na qual teve continuidade pelo assessor contábil Daniel.


A assessoria de comunicação da Prefeitura fez o convite a carro volante pela as Ruas da cidade convidando a população a participar da audiência publica além da divulgação no Site bomlugarinforma.com.br para que aja transparência neste importante trabalho que tem como objetivo despertar a consciência de quão importante é o Orçamento Público em nossas vidas, visto que é nesse documento que os representantes políticos de nossa cidade irão estimar a receita e fixar a despesa que evidenciará a política econômica-financeira e o programa de trabalho do governo. Para tanto, foram primeiramente apresentados o conceito de orçamento, sua evolução, os princípios que o regem, os mecanismos utilizados para sua elaboração, controle e execução, bem como a forma como se dá o ciclo o orçamentário. Após, foi a transparência governamental e sobre os instrumentos de fiscalização que estão disponíveis à população. Desta forma, foi destacada a importância do Orçamento Público e como é possível torná-lo mais presente na vida dos cidadãos. Concluindo, apresenta a sugestão de inserção do Orçamento Público como conteúdo curricular.

Pena que toda essa importância para nossa sociedade não é almejada por alguns dos eleitos pela população no legislativo onde os em campanha se comprometem atuar em defesa e fiscalizar os interesses públicos no povo. Uma série de ausências é registrada nas sessões e em reuniões importantes como essa atitude que só desestimula o cidadão e cidadã a depositar sua confiança na participação eleitoral e se sentirem inseguros com eleitos a cargos responsáveis pelos interesses dos recursos públicos.

A Lei fica para próxima sessão, e fica o convite para toda população de Bom Lugar participar a acompanhar de perto a audiência, e assim você pode ver se o seu vereador estar se empenhando nos interesses da nossa comunidade.